A importância de se doar Sangue

Campanha Bombeiro Sangue Bom

Campanha Bombeiro Sangue Bom

Eurico apoia e indica a doação de Sangue

Hoje a Campanha Bombeiro Sangue Bom, terá inicio no Hospital Stela Maris, a partir das 14h. Com o objetivo de atrair mais voluntários a doação de sangue, o Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo, realiza anualmente o projeto. Os bombeiros darão iniciativa doando sangue para incentivar novos doadores. A campanha vigora no mês de Julho do dia 02 ao 31. Para participar, basta estar em boas condições de saúde, estar bem descansado, alimentado e pesar no mínimo 50 kg.

A importância de se doar Sangue 

Não há substituto ao sangue humano. Só a doação pode salvar vidas em casos onde os hospitais precisam repô-lo, como para cirurgias, tratamento em pacientes com câncer e com doença renal crônica. Sem contar em casos de acidentes e catástrofes naturais.

Por isso, mais do que captar um doador, o que os hemocentros e o MS querem é criar a fidelização dos doadores, isto é, fazer com que as pessoas doem com frequência. De acordo com dados da Coordenação-Geral de Sangue e Hemoderivados do Ministério da Saúde, entre as pessoas que doaram sangue nos últimos cinco anos, 40% o fizeram duas vezes por ano – índice abaixo do ideal.

Um dos fatores principais para esse quadro é a desinformação. Para Carbone, “muitas pessoas têm medo de doar porque acham que é muito doloroso ou que vão sentir-se mal depois da doação. O que não é verdade. A única dor existente é a da picada da agulha, o que é suportável”. E para a advogada Denise Fortes, 33 anos, que costuma doar sangue ao menos uma vez por ano, nem essa dor ela sentiu.

– É impressionante a habilidade das pessoas que trabalham com a coleta de sangue. Elas fazem de tudo para a gente não sentir dor. E olha que eu tenho veias muito fininhas e sempre sofro quando vou tirar sangue, pois as enfermeiras não conseguem pegar a minha veia de primeira. Nos hemocentros, isso não acontece.

Denise começou a doar sangue em 2001, depois de ter feito uma promessa – e ter sido atendida. Mas, atualmente, ela mal se lembra dessa condição inicial que a levou a ser uma doadora.

– Hoje, me sinto na obrigação. Me sinto mal, se por alguma razão, deixo de doar. Gostaria de fazer isso mais vezes, mas nessa correria, acaba passando.

Em cada doação são retirados, em média, 450 mililitros de sangue, o que é pouco. Uma pessoa adulta tem, em seu corpo, cerca de cinco litros de sangue. Além da regularidade, com a fidelização as equipes que cuidam dos hemocentros podem conhecer e ter controle maior da qualidade do sangue doado. É uma maneira de tornar o cadastro mais seguro.

Tipos de sangue, Doar Faz bem a Saúde e outros

Assista ao vídeo abaixo:

Jornal Pimentas News

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s